Em Dezembro de 2011 nasce uma velha aspiração de Folque, um projecto de divulgação, docência, investigação e produção da (MPG) Música Popular Galega. Isto é, Folque commons, um espaço em Internet para a difusão de textos de investigação (livros, revistas, artigos,…) sobre a música e a arte.

Folque commons (FC) pretende ser uma web aberta e colaborativa que se forneça da colaboração de estudosos que queiram publicar para descarga gratuita os seus trabalhos para atingir uma grande difusão por meio da Rede. Todos os trabalhos publicam-se com licença Copyleft.

Folque commons pretende ser um centro de documentação dedicado à Compilação, Publicação, Difusão e Intercâmbio de conhecimento livre online.

A ideia é publicar em formatos digitais para descarga directa (.pdf) e para visualização em web (.html). Em breve, disporemos de uma plataforma para pedidos baixo demanda e edição em papel a baixo custo.

FC é um projecto colectivo: qualquer pessoa pode utilizá-lo, tanto para procurar, como para introduzir informação. Sustentamos a nossa actividade na convocatória aberta e permanente de colaborações. Convidamos a toda pessoa interessada a que colabore enviando os seus textos através do email: commons@folque.com. No futuro, aCFolque garantirá o mantemento das suas fontes e actualização da base de dados.

Os primeiros trabalhos subidos a este site que já estão disponíveis para a sua descarga são:

  • A sanfona de Brocos”, primeiro número da Revista “Opúsculo das artes”, uma iniciativa surgida da colaboração entre aCentral Folque com o blog A ilha de Orjais.
  • A investigação de Ramom Pinheiro “A la Habana quiero ir. Los gallegos en la música de Cuba”. Título que já está publicado em papel e disponível na loja de www.folque.com.
 

One Response to Folque Commons

  1. […] “A sanfona de Brocos”, primeiro número da Revista “Opúsculo das artes”, iniciativa da colaboración entre aCentral Folque com o blog A ilha de Orjais e a investigación de Ramón Piñeiro “A la Habana quiero ir. Los gallegos en la música de Cuba” abren o espazo Folque Commons (FC). […]

Deixar uma resposta